AJTM participa de clínica internacional

AJTM participa de clínica internacional

Dez mesa-tenistas de diversas categorias farão treinamento intensivo na FranTT, referência da modalidade em Piracicaba

180115225235_Pagina4a

Dani Bassi conversa com jogadores do tênis de mesa de Jaú: aposta na formação esportiva BEATRIZ ZAMBONATO SANTOS

De quinta até domingo, equipe da Associação Jauense de Tênis de Mesa (AJTM) participará da 30ª edição da Clínica FranTT Internacional, que ocorre no maior centro de treinamento da modalidade na América do Sul, na cidade de Piracicaba.

Conforme os organizadores, a clínica é voltada para mesa-tenistas desde a iniciação esportiva até o alto rendimento, sendo indicada para crianças a partir de nove anos de idade.

Neste ano, a AJTM viajará com os atletas Kauan Gomes (categoria dente de leite), Gabriel Alves e João Matheus (pré-mirim), Victor Pinhatar e Giovana Vicentini (mirim), Fábio Vaccari e Vinícius Caetano (infantil), Dagoberto Nascimento Júnior (juvenil), Juliene Graciolla (adulto) e Dagoberto Alasmar (paratleta).

“Serão quatro dias de treinamento intensivo em três períodos, além de palestras e jogos”, explica a coordenadora e técnica da AJTM, Daniela Bassi. “Será muito importante em todos os sentidos. Estou levando atletas bem novos, será a primeira viagem deles.”

Para Dani Bassi, “qualquer tipo de intercâmbio que seja para somar é muito bom.” “Começar a temporada com uma clínica dá um estímulo maior para os mesa-tenistas, ainda mais quando estão focados em manter um bom desempenho na modalidade, como é o caso dos atletas da AJTM.”
Competições

Em fevereiro, a AJTM voltará as suas atenções para a temporada 2018 do circuito da Liga Paulista de Tênis de Mesa (LPTM). A equipe jauense ficou em terceiro lugar no campeonato do ano passado, mas venceu as últimas três etapas (incluindo o Top 16) e terminou o ano como destaque da competição.
O primeiro torneio do ano será no dia 24 de fevereiro. Depois serão mais dez etapas até o Top 16 – que reúne os 16 melhores mesa-tenistas da temporada – no dia 8 de dezembro.

A meta, mais uma vez, é superar cidades como Santa Bárbara d´Oeste e Americana e figurar entre os três melhores da LPTM. Para brigar com o time de Araras (atual campeão) e de Piracicaba (polo nacional da modalidade) serão necessários mais investimentos e a participação em todas as etapas da liga – o que por falta de recursos não ocorreu no ano passado. Em 2017, a AJTM teve o suporte de Colégio NIE, Varf Academia, Yázigi Jaú, Big Designer, Clínica Birello, Route 66 e Jaú Shopping, além do apoio da Secretaria de Esportes de Jaú.

A equipe espera ainda conseguir mais apoiadores para a atual temporada e ampliar o atendimento às crianças e adolescentes de Jaú.

“Tenho confiança de que mais uma vez faremos uma temporada vitoriosa. A nossa associação luta para que o esporte possa mudar a vida das pessoas”, afirma Dani Bassi.

RICARDO RECCHIA

Fonte: Jornal Comércio do Jahu

« 1 de 3 »

Deixe uma resposta